O gato doméstico é considerado por muitos um animal independente e anti sociável, capaz de se apegar somente ao território e não muito aos humanos.

No Brasil, os gatos são animais de estimação tão populares quanto os cães. Eles representam cerca de 24% dos animais transportados pela MooviPet. O número de gatos transportados pela MooviPet vem crescendo e isso aumenta nossa preocupação em oferecer todo conforto e segurança necessários considerando suas particularidades.

Apesar de domesticados, os gatos partilham todas as características dos felinos selvagens dos quais são parentes: são fortes, ágeis, dotados de grandes reflexos, sentidos apurados e instinto de caça o que faz com seu transporte cause preocupação com tutores e protocolos específicos para que tudo corra bem.

Por todas essas características a MooviPet desenvolveu um método específico. Quer conhecer?

Então vamos lá!

Hidratados o tempo todo

A condição climática é algo que afeta os gatinhos. Os gatos ficam cabisbaixos, sem querer muita brincadeira quando estão em ambientes quentes sem fonte de água.

Por esse motivo os veículos da MooviPet são climatizados e mantêm o ambiente refrigerado durante toda viagem.

gato-bebendo-agua

Além disso, os gatos têm acesso a água mineral sempre fresca durante todo percurso, não somente por ocasião das paradas.

Mesmo que ele se negue a bebê-la, os motoristas fazem a hidratação com seringas impedindo que eles fiquem desidratados, principalmente nos trajetos mais longos.

Sociabilização com os motoristas

A maioria dos gatos que têm costume de lidar com pessoas estranhas em seu convívio se adaptam mais rapidamente aos transportes e aos motoristas da MooviPet.

Gatos que no período de socialização conviveram com apenas uma pessoa, tendem a ser tolerantes com aquela pessoa específica, enquanto que gatos expostos nessa fase à convivência com quatro ou mais pessoas tendem a aceitar e interagir com qualquer estranho.

Isso torna a viagem mais agradável.

Cuidados com gatos filhotes e os idosos

Cuidados com gatos filhotes são um pouco diferentes do que o trato com adultos.

Frágeis, eles precisam se alimentar a cada 4 horas para evitar crises hipoglicêmicas.

Os bebês gastam mais energia e por isso devem repor as calorias com maior frequência.

Nunca ofereça leite de vaca, alimentos humanos e nem ração de gatos adultos.

Normalmente quando embarcam pela MooviPet, os feromônios utilizados nas caixas de transportes trazem uma sensação de conforto maior por trazerem a sensação de ainda estarem sob os cuidados e proteção da mãe.

Buscamos colocar junto com a acomodação brinquedos, arranhador e uma caminha bem confortável.

Os cuidados com gatos filhotes são muito importantes.

As acomodações da MooviPet possuem micro furos e são forradas com tapete higiênico descartável, mantendo o ambiente sempre seco e limpo, fazendo com que os felinos fiquem mais relaxados e felizes.

Já com os idosos, fazemos o melhor para que eles possam dormir em um ambiente super confortável.

Animais com mais idade podem ter problemas nos ossos e também sentem mais frio. Por esse motivo, a acomodação do felino é a mais confortável possível.

Para isso, recomendamos que o tutor deixe à disposição do peludo uma manta para espantar o frio.

Livre de pulgas e vermes

Todos os animais que embarcam pela MooviPet passam por avaliação médica veterinária e devem apresentar atestado de saúde com comprovante de imunização.

Além disso o motorista verifica as condições de higiene, verificando se os animais estão limpos e livres de pulgas.

Quais os alimentos fornecidos para os gatos durante a viagem?

A alimentação dos gatos é feita com ração seca, sachês e latas de alimentos úmidos fornecidos pelo tutor por ocasião do embarque.

A MooviPet não oferece outros alimentos para seu gatinho. Alterar a dieta não é uma boa ideia.

A ração úmida colabora para a hidratação dos animais.

Doenças renais são comuns em gatos e parte importante da prevenção é feita com o consumo adequado de água.

As rações úmidas adicionam líquido na dieta dos gatos, por isso, eles têm acesso contínuo a água fresca e alimentos úmidos.

Compartilhe uma acomodação

Apesar de independentes, eles adoram companhia.

Sendo do mesmo tutor e atendendo aos protocolos de conforte e segurança estabelecidos pela MooviPet, gatos do mesmo tutor, que já convivam juntos, podem viajar compartilhando a mesma acomodação.

Além de ter uma companhia, o valor sai mais em conta!

A MooviPet nunca coloca mais de um Pet na mesma acomodação. Isso só ocorre nessa situação.

Ambiente sempre limpo

Dizem que gatos são animais limpos e basta conviver alguns dias com um para confirmar isso.

Entre os principais cuidados com os gatos, está a rotina de higiene.

A limpeza da acomodação também é muito importante para assegurar uma viagem confortável para o gato.

Por ocasião das paradas são removidas as fezes e urina e são trocados os tapetes higiênicos, se necessário.

Os gatos gostam de viajar?

Gatinhos costumam ser desconfiados e não gostam muito de novidades que os fazem mudar seus hábitos.

gato-viajando-no-carro

Quando o assunto é sair do aconchego do lar, muitos pais de felinos se pegam em situações difíceis e normalmente estressantes para os bichanos.

Infelizmente, são poucos os especialistas que sabem orientar os tutores a respeito de como acostumar gato na caixa de transporte.

Ter experiências diferentes, em lugares desconhecidos, também pode ser muito enriquecedor para os felinos.

Deixe ele pronto para embarcar antes da chegada do motorista

Capturar gatos nem sempre é uma tarefa tão fácil. Eles possuem uma incrível agilidade e correm em grande velocidade.

Os gatos são animais mais desconfiados por natureza, por isso, enquanto não se sentem seguros e no “controle” da situação ou do local em que vivem, eles podem ter um comportamento mais arredio.

Isso acontece quando chegam os motoristas para fazer o embarque.

Por isso, é sempre bom que os gatos já estejam prontos para serem acomodados no veículo por ocasião da chegada dos motoristas.

Em algumas situações, a reserva precisa ser cancelada, pois o tutor não consegue mais capturá-lo no momento do embarque.

Passear fora do veículo: pode ou não?

Esta dúvida é muito comum entre tutores e gera muita desconfiança e insegurança por parte deles.

Apesar de ser muito bom para o bichano ter espaço para brincar e se divertir, permitir que o gato saia da caixa de transporte e faça passeio fora do veículo não é recomendado, pois haveria riscos de fuga pelas características já mencionadas.

gato-na-caixa-de-transporte

Por esse motivo, os gatos não saem das caixas de transporte durante a viagem.

Os passeios somente são realizados com os cães, eles permanecem nas caixas de transportes, curtindo uma playlist feita exclusivamente para o pets, descansando e curtindo o visual pela janela.

A boa notícia é que um gato passa 2/3 do dia dormindo. Isso significa que com todo conforto e segurança oferecido pela MooviPet, ele vai aproveitar para descansar e guardar energia para aproveitar quando chegar ao seu destino.


E então! Ficou mais tranquilo ao saber como os gatos são transportados pela MooviPet?

Que tal aproveitar e garantir a reserva de sua viagem?

Deixe seu comentário